30 Bilhões a mais no mercado

Saiba como usar o saldo das contas inativas do FGTS para realizar sonho da casa própria

Imóveis do MCMV são oportunidade de investimento com saldo do FGTS
Imóveis do MCMV são oportunidade de investimento com saldo do FGTS Foto: Thiago Freitas / Agência O Globo
O sonho da casa própria pode se tornar realidade ainda este ano. Com a liberação do saldo das contas inativas do FGTS, a expectativa é que o consumidor aproveite o ganho extra para dar entrada em um financiamento imobiliário. Nesta terça-feira (14), a Caixa Econômica Federal divulgou o calendário de saque. Segundo estimativas do Governo Federal, a medida deve injetar mais de R$30 bilhões na economia do país.

De acordo com a Caixa, os saques das contas inativas do FGTS começam no dia 10 de março e vão até 31 de julho. O cronograma de liberação depende da data de nascimento do trabalhador. No primeiro dia, por exemplo, poderão sacar os aniversariantes de janeiro e fevereiro.

O advogado especialista em direitos imobiliários e contratos bancários Ighor Jacinto acredita que a medida pode repercutir de forma muito positiva no setor imobiliário. O momento é favorável para aquisição de imóveis e, segundo ele, já há redução do preço de venda:

— Com a desaceleração das vendas de imóveis, os preços acabaram reduzindo consideravelmente, o que favorece o momento de aquisição novamente.

O especialista ressalta ainda que a recente ampliação da faixa 3 do “Minha casa, minha vida” (que tinha um limite de rendimento de R$ 6.500 e, agora, aceita ganhos de até R$ 9 mil) vai proporcionar condições de juros mais vantajosas a uma classe que antes não podia participar do programa.

— Esse ponto, aliado à possibilidade do saque do saldo do FGTS, será um grande estímulo ao setor. A medida favorecerá aqueles que, por algum motivo, encontram-se inadimplentes com o financiamento de seus imóveis. Agora, poderão utilizar parte do saldo do FGTS para quitar essa dívida — sugere.

Opinião semelhante tem o presidente da Associação de Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário (Ademi), Claudio Hermolin:

— Será uma ótima oportunidade para que o trabalhador realize o sonho da casa própria. A liberação coincide com as novas regras do MCMV, com a extensão das faixas atendidas e o novo teto. Tudo isso deverá injetar mais ânimo no mercado imobiliário.


PORTAL IMOBILIÁRIO

Visite nosso Portal de Informações e Produtos de Qualidade.

c573da78570c631cb35b4868b547dbc4_995-77259475219x690

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s